Ir para o conteúdo

1

Ir para o menu

2

Ir para busca

3

Ir para o rodapé

4

ACESSIBILIDADE

5

CONTRASTE

6

MAPA DO SITE

7
 

UM DIA NO COMPLEXO DO ALEMÃO - 11/12/13 no momento do desabamento da casa

Direito Autoral

open access

Tipo

Vídeo

Data

2013

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Título Alternativo

Autores

Afiliação

Orientador

Co-orientador

Membro da banca

Organizador

Coordenador

Autor institucional

Diretor

item.page.production

Roteirista

Produtora

Gravadora

Resumo

Hoje o Complexo do Alemão amanheceu com más notícias para todo lado. Ruas alagadas nas imediações, subo a Central no morro do Alemão e vejo uma barreira caída sem que tivesse nenhum peso acima dele. Pensei! Se caiu isso aqui imagine onde a pressão de construções nos diversos locais que já conhecemos? Cheguei no Instituto Raízes em Movimento e liguei o computador e comecei as conexões na nossa Favela. Casas desabadas primeiro na Matinha relatada pela companheira e guerreira Renata Trajano. Suspeita de morte na Pedra do Sapo, novas quedas no Morro dos Mineiros, Morro do Adeus MEU DEUS!!!. Logo depois novos deslizamentos na Pedra do Sapo. Nesse meio tempo também tínhamos marcado a visita com a RELATORA DA ONU para a Água e o Saneamento. Lembrei que as obras do PAC que gastou (de$viou) 1 bilhão de reais não conseguiu realizar obras e políticas que amenizasse tudo isso. O que foi gratificante foi ver o Instituto Raízes em Movimento junto a outros grupos e instituições locais nos juntarmos para entender o todo do caos no Complexo do Alemão. Ocupa Alemão, Educap, Voz da Comunidade, Verdejar, Realidade do Alemão, Renata Trajano, Wagão, Carlos Coutinho e Marize todos trocando, andando pelas favelas do Alemão, nos articulando, registrando, solicitando socorro. JUNTOS PELO COMPLEXO DO ALEMÃO. A Relatora da ONU presa no trânsito caótico da cidade. ENCONTRO ADIADO PRA AMANHÃ PARTINDO DO VERDEJAR, no Sapo. De uma hora pra outra, outra tragédia. Agora no Morro das Palmeiras. 20 casas perto de desabar. Não, são 10. Registro da nossa rede chega de lá. Parece menos grave que o relatado. Vamos pra lá. Chegando lá o desespero das famílias ligando desde cedo e a defesa civil mandando esperar. UMA CASA DE 3 ANDARES estalando e a ponto de desabar. Ligamos e pressionamos a defesa civil. Retomamos pra rede. Divulgamos, denunciamos. E a casa caindo, estalando...vai cair, vai cair... A defesa civil chega junto à GeoRio e percebem o tamanho do problema. Pego a filmadora e começo a registrar. Converso com o Jair e sua jovem esposa moradores da casa. Ele relata o desespero desde a madrugada e ...VAI CAIR, VAI CAIR....A CASA DESABA em cima de outras 4 ou 5. Gritaria, choros, mais gritaria. Volto ao Jair agora com sua irmã que agradece pela vida de todos e que temos que ter forças e reconstruir nossos lares. GARRA, FORÇA, RESISTÊNCIA DESSA GENTE QUE TODOS OS DIAS LEVANTA, TRABALHA E RECONSTRÓI A VIDA. Somos Complexos, mas somos de luta e resistência SEMPRE. SOMOS COMPLEXO DO ALEMÃO por Alan Brum Pinheiro

Resumo em Inglês

Resumo em Espanhol

Resumo em Francês

Notas

Assuntos

Juntos pelo Complexo do Alemão, Desastre

Assuntos em Inglês

Assuntos em Espanhol

Assuntos em Francês

DeCS

Data do evento

Versão anterior

Documento relacionado

Formato Original

Outros

Tempo de duração

Tempo de duração

00h 05min 29s

Sistema de cor original

Colorido

Contexto público-alvo

Ocupação público-alvo

Objetivo Educacional

Avaliação

Documento revisado

Status da Publicação

Financiador

Versão posterior

Fonte da publicação anterior

Localização do evento

Título do evento

Tipo do evento

Citação

ISBN

ISSN

DOI

Instituição de defesa

Data de defesa

Local de defesa

Programa

Coleções